Trincheiras, revista de cidadania ativa do Ibase, está de volta

Depois de algum tempo, o projeto de remodelação da Revista Trincheiras está no ar. Através do Medium, plataforma que funciona como uma rede social para o compartilhamento de textos, o Ibase volta a ter um espaço que, nas palavras de Cândido Grzybowski, forma uma espécie de “rede cidadã de defesa diante de direitos ameaçados”.

A revista foi lançada em 8 de março e fez com que a nova edição trouxesse textos, artigos e entrevistas em que as mulheres são protagonistas. O novo formato traz ainda uma novidade: as publicações passam a ser semanais, sempre trazendo conteúdos que tenham como temática o debate democrático de ideias.

Entre os conteúdos que já estão disponíveis para leitura, estão:

– a entrevista com Mônica Francisco, deputada estadual pelo PSOL-RJ;
– o artigo de Taísa Machado falando sobre a experiência das aulas do Afrofunk Rio;
– o texto de Luiz Antonio Simas que retrata a importância das mulheres no samba e no candomblé;
– artes de Laerte Heredia;
– o editorial de Cândido Grzybowski falando sobre a volta da revista Trincheiras.

Para ler e seguir a Trincheiras no Medium, basta acessar: medium.com/trincheiras