Lançamento de “Jornada para Terralanda” reúne parceiros históricos do Ibase

Rita Corrêa Brandão, diretora adjunta do Ibase, e Iracema Dantas, editora do  livro “Jornada para Terralanda”, durante o lançamento no Rio de Janeiro.

No último dia 19 de setembro, o Ibase lançou a versão brasileira de “Journey to Earthland – the Great Transition to Planetary Civilization”, livro do físico norte-americano Paul Raskin. Traduzido para o português como “Jornada para Terralanda”, a obra foi lançada na livraria Blooks, no Rio de Janeiro.

Parceiros históricos do Ibase e companheiros de trabalho de Paul Raskin no Brasil estiveram presentes no evento e participaram de um debate sobre os caminhos trazidos pelo autor como alternativas para uma civilização planetária. Dulce Pandolfi, presidente do Conselho Curador da ONG, Cândido Grzybowski, assessor de direção, e Athayde Motta, diretor-executivo da instituição, foram os animadores dessa conversa.

Para o diretor-executivo do Ibase, o lançamento do livro marca o papel do Instituto como agitador de debates sobre questões inovadoras que ainda não são de pleno conhecimento da sociedade civil organizada no Brasil. “O autor livro é membro de uma rede internacional que cresce e que é importante que mais pessoas no Brasil possam contribuir com esse debate a partir da nossa experiência, mas também refletindo sobre qual o Brasil que precisamos ter para contribuir de maneira significativa para uma civilização planetária”, afirma Athayde Motta.

Dulce Pandolfi e Cândido Grzybowski recebem convidados antes do debate.

“Jornada para Terralanda – A Grande Transição para a Civilização Planetária”, traz uma rica discussão sobre as conseqüências da sociedade capitalista e apresenta possíveis caminhos para uma nova civilização planetária. Unindo sociologia, economia e até mesmo ficção científica, a obra tem atraído o interesse tanto de estudiosos políticos quanto de ativistas que lutam por mudanças progressistas ao redor do mundo. A versão brasileira do livro teve apoio da Fundação Mott.